The Debussy Edition – Mélodies – CDs 13 e 14 de 17 – Dietschy, Strosser

box frontMais dois volumes com as belíssimas canções que Debussy compôs baseado em letras dos  grandes poetas franceses do século XIX e início do século XX. Aqui encontramos novamente Verlaine, Gautier e as maravilhosas “Ballades de François Villon”, entre outros não tão conhecidos.
A magnífica voz de Véronique Dietschy se encaixa como uma luva nesse repertório tão pouco executado, e os pianistas Philip Cassard e Emanuel Strosser a acompanham com maestria, dando o toque de requinte e sofisticação que a interpretação exige. Coisa finíssima mesmo. Espero que gostem.

 

01. Trois Mélodies de Verlaine – I. La mer est plus belle
02. Trois Mélodies de Verlaine – II. Le son du cor s’afflige
03. Trois Mélodies de Verlaine – III. L’echelonnement des haies
04. La Belle au Bois dormant
05. Proses lyriques – I. De rêve
06. Proses lyriques – II. De frève
07. Proses lyriques – III. De fleurs
08. Proses lyriques – IV. De soir
09. Sept Poèmes de Banville – I. Rêverie
10. Sept Poèmes de Banville – II. Souhait
11. Sept Poèmes de Banville – III. Triolet à Phillis
12. Sept Poèmes de Banville – IV. Le lilas
13. Sept Poèmes de Banville – V. Aimons-nous et doemons
15. Sept Poèmes de Banville – VII. Les Roses
16. Flots, palmes, sables
17. L’Archet
18. Tragédie
19. En sourdine
20. Clair de lune
21. Fêtes galantes – I. Les ingénus
22. Fêtes galantes – II. Le Faune
23. Fêtes galantes – III. Colloque sentimental

Véronique Dietschy – Soprano
Emmanuel Strosser – Piano

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

2 comments / Add your comment below

  1. Definitivamente, uma soberba gravação. Não sei se há outro CD com mais canções, pois faltam algumas que foram gravadas por outras cantoras, como a Canção Espanhola a duas vozes e a Coqueterie Posthume. Algumas peças, em outras gravações são tratadas com mais ‘desprendimento’ e o pianista não é Noel Lee, que arrebata em gravações destas Melodies, mas esta é sem dúvida uma coleção confiável e maravilhosa para se conhecer estas canções; cuja beleza, eu diria fugidia, que sabe a aromas evolados de antigos frascos e sedas que esvoaçam, exige mais de uma audição, para enfim se tornar um amor eterno.

Deixe uma resposta