Edvard Grieg (1843-1907) – Slåtter, Suite for Orchestra, op.72 , Norwegian Dances, op.35, etc. – Royal Scottish National Orchestra, Bjarte Engeset

Dando prosseguimento a esta belíssima caixa com a obra orquestral de Grieg, hoje trazemos mais uma suíte para orquestra, também baseada em lendas do folclore norueguês,  além de outras obras. O texto abaixo foi livremente traduzido por mim, com a ajuda dos universitários.

O texto original se encontra no booklet se segue anexo aos arquivos compactados.

“Edvard Grieg costumava dizer que estava ciente das limitações de sua educação alemã e que precisava de estímulo de outras culturas musicais. Ele mencionou a luz italiana, a riqueza da cor russa e, não menos importante, a clareza e leveza da França. Em um artigo no periódico alemão “Signale”, ele discutiu os aspectos “pesados ​​e filosóficos” da cultura alemã, e concluiu que não eram suficientes para os noruegueses, que também amam a clareza e a brevidade. Os elementos da música de Grieg que apontam para, por exemplo, o impressionismo e barbárie / primitivismo são particularmente inadequados para vestimentas orquestrais germânicas. É importante notar que não foi a sonoridade difusa da música francesa que ele mencionou, mas sim sua “clareza”: “Esprit” em vez de “Geist”.
Em minha opinião, Grieg pode certamente ser chamado de um bom orquestrador, exceto por alguns esforços iniciais variáveis. Ele mudou e melhorou continuamente muitas das versões orquestrais que fez, como resultado de anos de experiência prática no pódio do maestro. Ele também tinha uma maneira individual de usar a orquestra, que normalmente se adequa ao musical material muito bem. Mas ele tinha um certo complexo de inferioridade quando se tratava de instrumentação. Talvez seja uma razão pela qual muitas vezes são outros que orquestraram algumas das mais “orquestrais” de suas obras para piano.”

A direção continua sendo de Bjarte Engeset, por sinal, também autor do texto acima, frente a Royal Scottish National Orchestra. Belíssima música, com certeza. Vale a audição.

Slåtter – Suite for Orchestra, Op. 72 (Orchestration: Øistein Sommerfeldt)

1 No. 8: Bruremarsj (etter Myllarguten)
(Wedding March after Myllarguten)
2 No. 4: Haugelåt – Halling (Halling from The Fairy Hill)
3 No. 2: John Væstafæs Springdans (Jon Vestafe’s Springar)

Norske Danser (Norwegian Dances), Op. 35
(Orchestration: Hans Sitt)

4 Allegro marcato
5 Allegretto tranquillo e grazioso
6 Allegro moderato alla marcia
7 Allegro molto

8 Sørgemarsj over Rikard Nordraak
(Funeral March in Memory of Rikard Nordraak), Op. 73

9 Brudefølget drager forbi fra Folkelivsbilder
(The Bridal Procession Passes By, from Pictures from Folk Life), Op. 19, No. 2

10 Ballade, Op. 24
(Orchestration: Geirr Tveitt)

11 Klokkeklang from Lyriske Stykker
(Ringing Bells from Lyric Pieces), Op. 54, No. 6
(Orchestration: Edvard Grieg/Anton Seidl)

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

 

6 comments / Add your comment below

    1. Sr. CP, inexplicavelmente esta caixa sumiu de meu acervo, já procurei nos HDs externos, mas não a achei mais … assim que encontrá-la novamente, continuo a série …

  1. Bom dia Sr. FDP,

    Garimpa daqui, cavuca dali, consegui a integra dessa coletãnia do Grieg!
    Como singela, porém sincera, retribuição ao muito que vocês tem feito para alargar meu rarefeito horizonte musical, gostaria de compartilhar esse achado com o blog. Tem em Flac e mp3 320 e vem com fotos da brochura e das capas.
    Havendo interesse, será suficiente me passar as instruções de como fazer o upload.
    Renovo meus agradecimentos à dedicação de vocês e meu desejo de vida longa e profícua ao blog.

    Abraço a todos

Deixe uma resposta