Johannes Brahms (1833-1897) – String Quartet in C menor, Op. 51 no. 1 e String Quartet in A menor, Op. 51 no. 2 (CD 1 de 5)

Já venho há dois meses com o intento de postar os quartetos de cordas de Brahms, uma joia, uma pérola, algo para qual nos falta palavras. Mas foi somente hoje que disse para mim mesmo: “Hoje a criança nasce!”. E como estou entusiasmado com estas postagens! Nutro uma profunda admiração pela música brahmsiana. Com o compositor não havia tempo para devaneios ou produções que fugiam àqueles elementos tão típicos da música genuinamente clássica. Deve ser por isso que ele não compôs balê ou ópera. Seus pés estavam fincados no terreno da música pura. Música-música (se é que existe esta expressão). Toda as vezes que vou postar Brahms corre dentro de mim certa expectação reverente. A alemão não era brincadeira. Sua música é um atestado de sua competência e seriedade. Em sua época o que vigorava eram as megalomanias de Wagner e dos compositores programáticos. Brahms conseguiu se impor compondo música absoluta – a mesma que compusera Beethoven, Mozart e Haydn. Tudo isso amalgamado ao espírito profundo do Romantismo. Resta-nos apenas ficar com o primeiro CD com os dois primeiros quartetos – O opus 51 no. 1 e 2. Estes quartetos são verdadeiras obras primas. Possuem uma capacidade de síntese, concentração e honestidade musical invejáveis, dificilmente encontráveis em outros compositores. Prestem atenção: falo “dificilmente”. Páro por aqui: é preciso ouvir para sentir estas duas maravilhas. Aprecie sem moderação, incontidamente!

Johannes Brahms (1833-1897) – String Quartet in C menor, Op. 51 no. 1 e String Quartet in A menor, Op. 51 no. 2

String Quartet in C menor, Op. 51 no. 1 [30:10]
01. Allegro
02. Romanze. Poco Adagio
03. Allegretto molto moderato e comodo – Un poco piu animato
04. Allegro

String Quartet in A menor, Op. 51 no. 2 [31:04]
05. Allegro non troppo
06. Andate moderato
07. Quasi Minuetto, moderato – Allegretto vivace
08. Finale. Allegro non assai

Amadeus Quartet

BAIXAR AQUI

Carlinus

7 comments / Add your comment below

  1. Nossa…. que petardo… Carlinus, você jogou pesado. Eu já havia postado estas obras na pré história do PQP, quando postei a integral da obra de Câmara de Brahms, mas a qualidade gravação era tosca, o que prejudicou a ripagem. Quero crer que a DG tenha dado uma melhorada nesta nova edição. E o Amadeus Quartet, bem, sem comentários…
    Não esqueça do terceiro cd dos quartetos de Beethoven. Estou ouvindo o quarto cd, e já estou fissurado nessa gravação do Mellos.

  2. FDP, não se preocupe. Postarei os quartetos restantes de Beethoven. Estão comigo. Ainda não fi-los subir. Como ando um pouco atarefado, tentarei fazer nesses próximos dias. Quanto aos quartetos de Brahms, ao ouvir essa gravação com o Amadeus, senti-me compelido a postar. Vi que o PQP Bach dispõe de pouca coisa nesse sentido. E quantos mais Brahms e Beethoven melhor.

    Um forte abraço, FDP.

    Um ótimo domingo!

  3. Que feliz coincidência! Estou a ouvir os Quartetos para Piano de Brahms exatamente agora, e me deparo com essa postagem.
    Um pecado não baixá-los de imediato.

    E salve engano, FDP, parece que cheguei tarde, pois algumas de suas postagens da integral de Câmara expiraram.

    Ao Carlinus os mais sinceros agradecimentos.

  4. Que feliz coincidência! Estou a ouvir os Quartetos para Piano de Brahms exatamente agora, e me deparo com essa postagem.
    Um pecado não baixá-los de imediato.

    Ao Carlinus os mais sinceros agradecimentos.

Deixe uma resposta