.: interlúdio :. Wes Montgomery: Smokin’ at the Half Note

Sim, é verdade: Blue Dog esteve numa jornada ao centro da Terra e voltou pra contar a história. No entanto, foi constatado mais uma vez que ninguém presta atenção no que diz um cachorro — principalmente quando ele trata de si na terceira pessoa — , e como PQP encerrou o assunto com um peremptório “passa já pra dentro!”, o melhor que ele faz é retomar logo suas antigas atribuições.

Antes de trazer à tona novidades e avantgardismos resultantes das escavações, este post não precisa fazer qualquer esforço para agradar: chega logo propondo um disco de fácil consenso e clara influência. Trata-se de Wes Montgomery e a seção rítmica clássica de Miles Davis. Wes é gentil, faz jazz com aquele acento de blues, pode ser servido à mesa. O ouvinte se pega várias vezes prestando mais atenção na bateria do que no instrumento principal. Estamos todos em casa, felizes? Então bueno, que bueno.


Wes Montgomery – Smokin’ at the Half Note /1965 [V0]
—-> download – 68MB
Wes Montgomery (guitar),
Wynton Kelly (piano),
Paul Chambers (bass),
Jimmy Cobb (drums)
.

Faixas 1 e 2 gravadas ao vivo em junho de 1965. Faixas 3 a 5 gravadas em estúdio, em 22/07/1965. Produzido por Creed Taylor para a Verve

01 No Blues (Davis) 13′
02 If You Could See Me Now (Dameron, Sigman) 6’45
03 Unit 7 (Jones) 7’30
04 Four on Six (Montgomery) 6’45
05 What’s New? (Haggart, Burke) 6’00

Boa audição!
Blue Dog

9 comments / Add your comment below

  1. Estávamos com saudade, bluedog. Ainda ontem à noite estava ouvindo um cd do Mike com três monstros, que também tocaram com o Miles: George Coleman, Ron Carter e esse mesmo Jimmy Cobb. Impecável. E agora você traz o Wes com o Winton Kelly… maravilha.. e baixando.

  2. Caros Blue Dog e equipe do PQP

    Em agradecimento a tantas alegrias…

    Talvez vocês já devem conhecer o site mas, aí vai um link interessante, dá pra ouvir e também fazer download das músicas. Tem umas peças bem raras (talvez, mas, não sou um profundo conhecedor) por lá.

    http://www.jazz-on-line.com/

    Continuem assim

Deixe uma resposta