BTHVN250 – A Obra Completa de Ludwig van Beethoven (1770-1827) – Vinte e três canções de diversas nacionalidades, WoO 158a – Air Français, WoO 158d – Duas canções folclóricas austríacas – Allen – El Zein – Pérez – Bernard – Lièvre-Picard – Rouchon – Fagiuoli – Musto – Armengaud

A última postagem da longa série de arranjos de canções folclóricas de Ludwig é uma Babel: canções em vários dialetos de alemão, e em dinamarquês, polonês, russo, espanhol, húngaro e italiano dividem o caderno com o único, e bem tangencial, contato de Beethoven com a língua portuguesa.

“Seus lindos olhos”, sobre a qual nada mais achei, parece ser uma modinha do século XVIII. A diminuta letra dá conta da habitual chaga cardíaca que espera em vão curar-se:


Seus lindos olhos
Mal que me viram
Crucis feriram
Meu coração.

Se Amor protege
A chama nossa,
Talvez se mova
A compaixão

Vir pode um dia,
Dia d’encanto,
Qu’em que o pranto
Vertido em vão.

Se Amor alenta
Esta esperança
Em paz descansa
Meu coração”


A modinha é tão curta que, quando achamos que conseguimos decifrar o canto, ela já acabou. Ainda assim, fica evidente o imenso talento de Beethoven como arranjador, ao extrair o máximo de sumo de canções sobre as quais nada conhecia, nem as letras, e harmonizá-las em atraentes peças de câmara. Esse seu afã fica comovente quando nos damos conta de que ele próprio nunca viajou muito para fora do mundo alemão: além duma viagem com a mãe aos Países Baixos, quando ainda era um garoto em Bonn, Berlim foi o mais longe que ficou de sua base vienense. Ainda assim, ávido leitor que era, suponho que deixasse sua imaginação voar bem alto para transpor-se àqueles lugares todos de onde vinham as canções que arranjava. Sempre que tento imaginar a cena que ele pintou para si mesmo ao transpor uma canção tão sentimental para duas vozes masculinas, falho tão miseravelmente quanto Ludwig falharia se lhe pedíssemos para imaginar como o retratariam naquele Portugal tão remoto que pariu “Seus lindos olhos”:

Um “Beth0ven” de ressaca em azulejos no Porto, Portugal (foto do autor). Quem identificar o excerto na partitura do topo ganha um sorriso do Luís.

 

Ludwig van BEETHOVEN (1770-1827)

Vinte e três canções de diversos povos, arranjadas para voz e conjunto vocal misto, com acompanhamento de violino, violoncelo e piano, WoO 158d
Arranjadas entre 1816-17
Publicadas em 1943

1 – Ridder Stigs Runer. Vivace
2 – 0 Horch auf, mein Liebchen. Andantino
3 -Wegen meiner. Allegretto
4 – Wann i in der Früh aufsteh. Comodo
5 – Teppich-Krämer‑Lied. [Comodo]
6 – A Madel, ja a Madel. [Allegro moderato]
7 – Wer solche Buema afipackt. [Poco allegretto]
8 – Ich mag di nit nehma. Moderato
9 – Oj, oj upiłem się karzcmie. Allegro ma non troppo
10 – Poszła baba po popiół. Poco allegretto
11 – Yo no quiero embarcarme. Allegretto
12 – Duet – Seus lindos olhos. Andante con sentimento
13 – Во лесочке комарочков (Vo lesochke komarochkov). Allegro
14 – Ах, реченьки, реченьки (Akh, rechenki, rechenki). Andante assai espressivo
15 – Как пошли наши подружки (Kak poshli nashi podruzhki). Allegretto
16 – Schöne Minka, ich muß scheiden! Andante amoroso con moto
17 – Lilla Carl. Andantino
18 – An ä Bergli bin i gesässe. Andante
19 – Una paloma blanca. Tempo di Bolero
20 – Duet – Como la mariposa soy. Tempo di Bolero
21 – Tiranilla Española. Andantino espressivo
22 – Édes kinos emlékezet. Allegro
23 – Da brava, Catina. Allegretto

Das Seis canções de diversas nações, arranjadas para voz e conjunto vocal misto, com acompanhamento de violino, violoncelo e piano, WoO 158c

24 – No. 2: Non, non, Colette n’est point trompeuse

Air Français, para voz, violino, violoncelo e piano, WoO 158d (Hess 168) (1817)

25 – Allegretto

Das Doze canções de diversos povos, arranjadas para voz e conjunto vocal misto, com acompanhamento de violino, violoncelo e piano, WoO 157

26 – No. 12: La gondoletta. Allegretto scherzando
27 – No. 4: O Sanctissima. Andante con moto, ma con pietà

Duas canções folclóricas austríacas para voz, violino, violoncelo e piano (1820)

28 – Das liebe Kätzchen, Hess 133
29 – Der Knabe auf dem Berge, Hess 134

Juliette Allen, soprano
Dania El Zein, soprano
Natalie Pérez, mezzo-soprano
Łukasz Romejko, tenor
Vincent Lièvre-Picard, tenor
Jean-François Rouchon, barítono
Alessandro Fagiuoli, violino
Andrea Musto, violoncelo
Jean-Pierre Armengaud, piano

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE


Mais Beethoven em português

#BTHVN250, por René Denon

Vassily

Deixe uma resposta