J. S. Bach (1685 – 1750) – Concertos de Brandenburgo Nos. 6, 3, 5 e 2 (transcrição para violão)

Interessante esta transcrição dos imortais Concertos de Brandenburgo de Johann Sebastian Bach. Ouça e tire suas conclusões. Estou de saída. Preciso ir a uma comemoração de aniversário. Até mais! Bom deleite!

Johann Sebastian Bach (1685 – 1750) – Concertos de Brandenburgo Nos. 6, 3, 5 e 2 (transcrição para violão)

Brandenburg Concerto No. 6 in B flat major, BWV 1051
1. Allegro Moderato
2. Adagio Ma Non Tanto
3. Allegro

Brandenburg Concerto No. 3 in G major, BWV 1048
4. Allegro
5. Adagio
6. Allegro

Brandenburg Concerto No. 5 in D major, BWV 1050
7. Allegro
8. Affetuoso
9. Allegro

Brandenburg Concerto No. 2 in F major, BWV 1047
10) Allegro Moderato
11) Andante
12) Allegro Assai

Amsterdam Guitar Trio

BAIXAR AQUI

Carlinus

10 comments / Add your comment below

  1. Eu já tinha esse CD. Baixei no seu blog a um tempo atrás. Acho que Bahc iria ficar satisfeito de ver uma obra sua transcrita. Afinal ele era um transcritor( compositor, engenheiro, pensador, e tudo mais, bach era ( é ) fo..) de primeira.
    Uma vez, em um jantar em família eu botei esses concertos para tocar… Foi um sucesso tremento. Mesmo assim uma bela postagem.

  2. Foi a coisa mais agradável q já ouvir, tão comparável a uma pena caindo, a uma brisa suave, tão agrável quanto a tirar o sapato apertado depois de passar o dia inteiro andando, tão quanto tomar uma água gelada após correr quilômentros…. os puristas deve está se comendo… ou estaria d certa forma agradados com isso? mas o egoísmo não deixa eles mesmos falarem por si só… uma pena..

  3. Só fiquei chateado com uma coisa, achei q quem iria fazer o solo do cravo no Conc N5 seria o violão, hushuahushuahus, mas tudo bem,superei isso… muita presunção de minha parte,aliás, só não queria subestimar os caras… aliás, alguém aqui já viu o solo do cravo do N5 no violão? há alguma transcrição disso?

  4. Muito interessante o post. Confesso que a monotonia de ouvir um timbre só (a palavra “monotimbria” existe??????) me incomodou um pouco, mas é impossível não dizer que esse cd é muito, mas muito bom.
    Mas, voltando, acho que toda a polifonia de Bach em um timbre só não me soou muito bem. Acho que o Amsterdan Guitar Trio ganharia muito se inserisse, nessa obra especìficamente, outros timbres, mesmo que fossem cordas beliscadas, como alaúde, mandolin, até um contra-baixo em pizzicato. Talvez até um violão XII entrasse bem. Quebraria a monotimbria.

    Enfim, ressaltando o essecial do meu comentário, é muito bom o disco. Parabéns pelo post, Carlinus.

Deixe uma resposta