Franz Josef Haydn (1732-1809) – “Imperador”, “Quintas” e “Sunrise”

Antes de partir para mais um “completismo”, venho pressurosamente aqui corrigir uma enorme falha em nossa cedeteca de mais de trezentos posts. Não há um quarteto de Haydn!!!

Agora há. Começo postando talvez os três maiores deles, todos do famoso opus 76. Não sei estou sendo original ou não; o fato é que adoro o quarteto das Quintas, principalmente seu minueto. Os minuetos são, em minha opinião, normalmente, a parte mais fraca dos quartetos, mas este é uma espetacular perseguição… O Adagio e o restante também são lindos. E quanto ao Imperador o que dizer??? Que é o quarteto mais conhecido de Haydn? Que virou hino da Alemanha? E o Sunrise que ouço neste minuto? Lindo, não?

Cai o mundo em Porto Alegre. É um toró como há muito não via e a coisa não parece muito para Haydn lá fora. Fiquemos aqui dentro, pois.

P.Q.P. Bach.

String Quartet No. 62 in C major, Op. 76, No. 3, Hob.III:77, “Emperor”
I. Allegro 06:46
II. Poco adagio, cantabile 07:42
III. Menuetto: Allegro 04:45
IV. Finale: Presto 05:26

String Quartet No. 61 in D minor, Op. 76, No. 2, Hob.III:76, “Fifths”
I. Allegro 06:42
II. Andante o piu tosto allegretto 05:18
III. Menuetto: Allegro ma non troppo 03:37
IV. Finale: Vivace assai 04:03

String Quartet No. 63 in B flat major, Op. 76, No. 4, Hob.III:78, “Sunrise”
I. Allegro con spirito 08:08
II. Adagio 05:33
III. Menuetto: Allegro 04:39
IV. Finale: Allegro ma non troppo 04:25

Kodaly Quartet

Total Playing Time: 01:07:04

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

5 comments / Add your comment below

  1. Caro PQP, Realmente, darei um tempo nestes “completismos”, como vc bem classificou. É cansativo, e deixamos de lado algumas coisas que pensamos em postar num minutos, e esquecemos no seguinte. Me dedicarei agora ao Festival Barroco, e a uma ou outro material em que bata o olho num determinado momento. A seu dispor, FDP Bach.

Deixe uma resposta