Richard Wagner (1813-1883) – O Navio Fantasma (Der fliegende Holländer) – LINK REVALIDADO

Postado inicialmente em 21 de agosto de 2011.

Der fliegende Holländer (em port.: O holandês voador) é uma ópera em três atos de Richard Wagner. Estreou no ano de 1843 no Königliches Hof-Theater, Dresden. Ambientada em uma aldeia pesqueira da Noruega, conta a história de um navegador holandês que é punido por Deus por blasfemar contra seu nome, perdendo-se de sua pátria para sempre, a menos que surja em sua vida uma mulher que lhe seja plenamente fiel. Ao atracar no porto, o holandês ancora sua nau ao lado da de Daland, outro navegador. O holandês oferece a enorme riqueza em ouro e jóias que carrega em sua nau a Daland em troca da mão de Senta, sua filha. Senta já conhecera previamente a história do “Holandês Voador”, mas é cortejada pelo caçador Erik, que se enciúma todas as vezes em que ela faz qualquer referência ao “Holandês Voador”, seja observando insistentemente seu retrato, seja cantando a “Balada do Holandês” – esta, uma das árias mais célebres da ópera. Daland apresenta o holandês a Senta, e ela lhe jura eterna fidelidade, mas Erik ainda tenta persuadir Senta a voltar para ele. A certa altura, o holandês encontra Erik abraçando Senta e julga que esta rompeu com seu voto de fidelidade eterna, e parte novamente para o mar. À medida que a nau do holandês se afasta, Senta olha cada vez mais longe e se atira ao mar, na direção onde está a nau do holandês, tentando unir sua alma à dele.

DAQUI

Richard Wagner (1813-1883) – O Navio Fantasma (Der fliegende Holländer)

DISCO 01

01. Overture Orchester der Bayreuther Festspiele
02. Act 1 – 1. Introduktion. “Hojoje! Hojoje! Hallojo! Ho!”
03. Act 1 – “Kein Zweifel! Sieben Meilen fort!” Karl Ridderbusch
05. Act 1 – “Die Frist ist um” – “Ew’ge Vernichtung, nimm uns auf”
06. Act 1 – 3. Szene, Duett und Chor. “He! Holla! Steuermann”
07. Act 1 – “Durch Sturm und bösen Wind verschlagen”
08. Act 1 – “Südwind! Südwind!” Harald Ek
09. Act 1 – “Mit Gewitter und Sturm aus fernem Meer”
10. Act 2 – Introduction Orchester der Bayreuther Festspiele
11. Act 2 – 4. Szene, Lied und Ballade. “Summ und brumm, du gutes Rädchen”
12. Act 2 – “Johohoe! Traft ihr das Schiff im Meere an”
13. Act 2 – Hilf, Himmel! Senta! Senta! (Mädchen, Mary, Erik, Senta)
14. Act 2 – 5. Duett. “Bleib, Senta! Bleib nur einen Augenblick!”
15. Act 2 – “Mein Herz, voll Treue bis zum Sterben”

DISCO 02

01 – Fuhlst du den Schmerz (Senta, Erik)
02 – ‘Auf hohem Felsen lag ich traumend’ (Erik, Senta)
03 – 6. Finale. ‘Mein Kind, du siehst mich auf der Schwelle’ (Daland, Senta)
04 – ‘Mogst du, mein Kind, den fremden Mann willkommen heissen’ (Daland)
05 – ‘Wie aus der Ferne langst vergang’ner Zeiten’ (Hollander, Senta)
06 – ‘Wirst du des Vaters Wahl nicht schelten_’ (Hollander, Senta)
07 – ‘Verzeiht! Mein Volk halt drassen sich nicht mehr’ (Daland, Senta, Hollander)
08 – Dritter Aufzug_ Orchesterzwischenspiel
09 – 7. Szene und Chor. ‘Steuermann, lass die Wacht!’ (Chor)
10 – ‘Johohoe! Johohoe! Hoe! Hoe!’ (Chor)
11 – 8. Finale. ‘Was musst’ ich horen_’ (Erik, Senta)
12 – ‘Willst jenes Tags du nicht dich mehr entsinnen’ [Kavatine] (Erik)
13 – Verloren! Ach, verloren! (Hollander, Erik, Senta)
14 – Erfahre das Geschick, vor dem ich dich bewahr’! (Hollander, Erik, Senta, Dala

Orchester der Bayreuther Festspiele
Karl Bohm, regente
Gwyneth Jones,
Harald Ek,
Hermin Esser,
Karl Ridderbusch,
Sieglinde Wagner, et al.

BAIXAR AQUI CD01
BAIXAR AQUI CD02

Carlinus

15 comments / Add your comment below

  1. Excelente postagem, Carlinus. Böhm é um baita regente de Wagner. E o que é melhor, gravado diretamente em Bayreuth. Como comentei, estou impossibilitado de postar devido a problemas com meu computador. Assim que possível, dou as caras por aqui de novo.

  2. Ola, gostei mto dessa gravação do Navio, amo Wagner e Verdi, penso que se os 2 tivessem tido a oportuinidade de se conhecerem, teriam composto óperas maravilhosas…. Faz tempo que não ouco um navio diferente, em geral em concentro na Tetralogia, tenho uma gravação do Navio com Simon Estwa e Lisbeth Baslev regida pelo Woldemar Nelsson…gostei mto da leitura de Bohm.. Aproiveitando eu gostaria de saber se alguem possui uma gravação de Don Carlo de Verdi com Tebaldi e Bergonzi,Solti.

  3. Eis aquí mais um post de peso! Óperas de Wagner parecem “difíceis” de ouvir, talvez por serem tão longas e muitas vezes apresentarem temáticas tão particulares, como a mitologia germânica. Mas são das poucas que eu consigo apreciar.

    A propósito, nesse exato instante está indo ao ar na Rádio Cultura daquí de S.Paulo a ópera “Orfeu e Eurídice” de Gluck. Os leitores que quiserem ouvir podem clicar no link abaixo e desfrutar desse maravilhoso trabalho que eu considero um ponto alto do classissismo mais puro:

    http://www2.tvcultura.com.br/radiofm/

    Essa ópera de Gluck já foi postada aquí pelo PQPBach em março de 2009, mas o link parece ter expirado.

    Mas obrigado pelo Wagner domingueiro, Carlinus.

  4. Eu gostaria de parabenizar Carlinus pela postagem, e Pqp Bach pelo gol de Leandro Damião. Rapaz, que gol foi aquele? Bicicleta maravilhosa, pra entrar para a história. Parabéns, nação Colorada.

  5. Isso acontece sempre, Vanderson. Atualmente, acontece muito em filmes. Tubarão, por exemplo, é Jaws (Mandíbulas) no original. Pânico é Scream (Grito). Cinderela Man, um dos meus filmes favoritos, foi traduzidocomo “A Luta Pela Esperança”. São muitos os exemplos. A gente infelizmente tem que se conformar. Pelo que eu percebo, os títulos em português são mais óbvios que os originais.

  6. A lenda desse navio-fantasma chamado “Holandês Voador” é mais conhecida e compreendida na Europa do Norte, não tem maiores significados aquí no Brasil… Se a ópera fosse traduzida como Holandês Voador isso daria a impressão de um holandezinho de tamancos, batendo os braços e tentando voar…

    Acho que o nome da ópera foi bem traduzida para “Navio Fantasma”

  7. ValeW, amigos do PQP Bach!
    eu estava procurando por essa obra de Wagner a
    um tempão!!Eu conheci num CD uma parte dessa opera,
    e desde entao, eu vinha procurando…

  8. Há a possibilidade de estar postando essa obra em torrent ou algum outro meio de download? O megaupload saiu do ar.
    Se eu puder ajudar em alguma coisa pode contar comigo.
    Abraços!

  9. Que surpresa a minha quando vi esta obra reupada! A lenda do Holandês Voador é muito interessante, e não sabia que Wagner havia escrito uma ópera inspirada nesta lenda. Muito obrigado!

Deixe uma resposta