Louis Spohr (1784 – 1859) – Obras para Harpa e Flauta

Ele nasceu Ludwig Spohr, porém é mais conhecido como Louis. Não chega a ser surpreendente que Spohr tenha escrito para a obscura harpa. Afinal, ainda jovem, apaixonou-se pela bela harpista de 18 anos Dorette Scheidler. Casou-se com ela. Durante o casamento, Dorette abandonou a carreira de harpista e se concentrou em criar os filhos. É a mesma história de Clara Schumann, apesar de Dorette ter morrido jovem, causando grande dor em Louis. Foi um compositor prolífico, que produziu mais de 150 obras com número de opus, além de muitas outras não catalogadas por numeração de opus. Escreveu música em todos os gêneros. Spohr era um conceituado violinista, e inventou a queixeira para violinos por volta de 1820.

O CD da Orfeo que posto hoje é bem interessante e agradável. Eram obras escritas para sua mulher, cheia das delicadezas de um casamento recém iniciado… Apesar de não ser devoto da sonoridade da harpa, ouvi-lo foi uma boa experiência. Méritos para o maridão.

Louis Spohr – Obras para Harpa e Flauta

Sonata for flute and harp in D major/E flat major (“Sonata Concertante”), Op. 113
01. Allegro brillante
02. Adagio
03. Rondo, Allegretto

Sonata for flute and harp in G major/A flat major (“Sonata Concertante”), Op. 115
04. Larghetto G-Dur

Sonata for flute and harp in C minor, WoO 23
05. Adagio
06. Andante

Fantasia on themes by Handel and Vogler, for flute and harp or piano, Op. 118
07. Fantasie über Themen

Andras Adorjan, Flauta
Marielle Nordmann, Harpa

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE – Parte 1

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE – Parte 2

2 comments / Add your comment below

  1. Sem dúvida . És única…. E tens biografia semelhante às das mulheres mais adoradas e adoráveis. Hum…

    Porém… Tu e Dorette viveram anos e anos de vida sob o jugo masculino. Uma largou o piano e a composição; outra largou a harpa. Obviamente que a humanidade lamenta mais o primeiro acontecimento, mas o segundo é análogo, não?

    Fico pensando em como Clara Schumann vê a liberação feminina e como trataria Robert nos dias de hoje. Ele teria que cozinhar e dar banhos nos filhos enquanto ela sonha tomando café e indo lá fora fumar?

    :¬)))

Deixe uma resposta