Sob a influência do jazz – Gershwin, Milhaud, Ravel, Stravinski e Weill regidos por Bernard Herrmann

O CD (ex-LP) Classic Jazz, de 1966, traz uma série de obras “eruditas” muito influenciadas pelo jazz. A seleção é notável e a interpretação é sempre adequada: divertida, alegre e espalhafatosa. Um grande disco, sem dúvida.

A idéia deste trabalho foi do imenso Bernard Herrmann (1911-1975), o maior compositor de músicas para o cinema. Parceiríssimo de Alfred Hitchcock, Herrmann escreveu a trilha sonora de oito filmes: O terceiro tiro (1955), O homem que sabia demais (1956), O homem errado (1957), Um corpo que cai – Vertigo (1959), Intriga internacional (1959), Psicose (1960) e Os pássaros (1963). Herrmann foi o consultor de som de Marnie, confissões uma ladra (1964). Na realidade, Cortina rasgada também teve uma trilha musical composta por Herrmann. No entanto, Hitchcock queria música pop e desistiu da partitura de Herrmann, o que gerou uma boa briga e rompimento definitivo de uma parceria que rendeu o reconhecimento de críticos e público.

Mas não foi só isso. É de Herrmann a trilha de Taxi Driver (Scorsese), de Cidadão Kane (Welles) e de Fahrenheit 451 (Truffaut). Não, não é mole.

Aqui, ele torna-se regente de interessantes obras que nasceram a partir do jazz. Destaque para Rhapsody in Blue, para o Ragtime de Stravinski, para Milhaud – que aparece pela primeira vez neste blog – e para a divertida brincadeira de Ravel. Ou seja, quase tudo!

P.Q.P. Bach.

Classic Jazz

1. Rhapsody In Blue
Composição de George Gershwin
London Festival Orchestra
Stanley Black, piano e regência

2. The Threepenny Opera: Mack the Knife / Instead-of Song / The Good Life (Foxtrot) / Polly’s Song / Tango / The Bis Shots: Charleston
Composição de Kurt Weill
London Festival Orchestra [members of]
Bernard Herrmann

3. Ragtime
Composição de Igor Stravinsky
London Festival Orchestra [members of]
Bernard Herrmann

4. La Création du Monde
Composição de Darius Milhaud
London Festival Orchestra [members of]
Bernard Herrmann

5. Five O’Clock Foxtrot (de L’enfant et les sortilèges)
Composição de Maurice Ravel
London Philharmonic Orchestra
Bernard Herrmann

6. Variations on ‘I got rhythm’ (para piano e orquestra)
Composição de George Gershwin
London Festival Orchestra [members of],
David Parkhouse, piano
Bernard Herrmann

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

9 comments / Add your comment below

  1. Caro PQP:como inconveniente visitante que nunca está satisfeito com o que lhe dão, venho apontar uma pequena lacuna mozartiana aqui no blog.A série de concertos para piano, planejada para ir do 15 ao 27, pelo que pude verificar, ainda não tem o 24, o 26 e o 27.Esses concertos são relativamente fáceis de achar na web. Mas as gravações que você disponibilizasão tão boas! Material de primeira, que não se acha em qualquer esquina virtual.Um abraço!

  2. AH! Amigo PQPA segunda vez que me acontece. O Internet Explorer não completou o download por ter atingido o limite do tempo.Dá pra me mandar pelo You send it ou pelo MSN?Não imediatamente, pois amanhã me submeterei a uma cirurgia na vista. Avisarei quando puder encarar a tela de novo.Pode ser?Da primeira vez, como falei com atraso, acho que nem viu o meu pedido. E estou tão curiosa a respeito deste trabalho de agora!Abraço

  3. É complicado Magaly. Nunca usei essas coisas. Mas caho estranho este estouro de tempo. Passei uns meses com linha discada e baixava tudo durante a noite. Os downloads duravam 8 horas… mas funcionavam.Minha proóxima postagem será o 23 e 24 de Mozart. Depois virçao o 26 e 27, OK?PQP bach

  4. Magaly.Poderíamos conversar por e-mail? Gostaria de esclarecer tuas dúvidas. Só que não sei mais o endereço. Coloque-o aqui num comentário que depois eu deleto e conversamos, certo?Beijo.PQP Bach

Deixe uma resposta