Uma coisinha bem simples

Na Bravo! deste mês, o polêmico maestro John Neschling é entrevistado:

Bravo!: Você escuta muita música?

John Neschling: Muita, constantemente.

B: Clássico?

JN: Clássico e jazz o tempo todo. Primeiro para ouvir coisas novas, para estar sempre atualizado sobre o que está se fazendo tanto no jazz como na música clássica, e para ouvir interpretações…

Neschling está longe de ser meu oráculo, mas também está distante de ser uma besta.

P.Q.P. Bach

2 comments / Add your comment below

  1. Boa comparação, afinal: estou pra ver um concerto misturando jazz e música clássica no mesmo dia.Acho que já ficou claro que não é a questão do gosto que faz importar a nós, os chatos.

  2. Leonardo, aguarde: está na lista das futuras postagens uma bela versáo da obra de Gershwin nas mãos do Marcus Roberts…ou seja, jazz e música clássica juntas.FDP Bach.

Deixe uma resposta