J. S. Bach (1685-1750) – Oratório da Páscoa e Cantata BWV 4

Estas duas notáveis obras situam-se, cronologicamente, em pólos opostos na produção de meu pai. A Cantata BWV 4 Christ lag in Todesbanden ou “Cristo esteve em ânsias de morte” ou “Cristo jaz amortalhado” (os tradutores que se entendam) foi composta entre os anos de 1708 e 1709, enquanto que Oratório da Páscoa, BWV 249, faz parte da produção seus últimos anos de vida.

O Oratório da Páscoa talvez seja mais bonito do que a Cantata BWV 4 (Cantata para o Domingo de Páscoa), porém esta me interessa muito mais. Raramente Bach compôs uma obra com os olhos tão decididamente voltados para o passado mostrando, ao mesmo tempo, características modernas. O texto é de Lutero e a música baseia-se numa melodia so século XII. A Cantata é composta sobre sete movimentos, todos eles apresentando trechos da melodia arcaica. Mesmo a sinfonia instrumental introdutória, no estilo de Buxtehude, emprega o “tema base”. Suas ásperas hamonias e as partes centrais dobradas das violas contribuem para a sonoridade arcaica, a qual assume um estilo de uma partita coral muito próxima a Böhm ou Pachelbel. É algo espantoso.

O Oratório também é excelente e gostaria que vocês ouvissem atentamente a arrepiante ária Sanfte Soll Mein Todeskummer, uma coisa de louco, perfeitíssima, a cargo do tenor.

Christ lag in Todesbanden
1. 1. Sinfonia
2. 2. Versus I, Christ Lag In Todes Banden
3. 3. Versus II, Den Tod Niemand Zwingen Kunnt
4. 4: Versus III, Jesus Christus, Gottes Sohn
5. 5. Versus IV, Es War Ein Wunderlicher Krieg
6. 6. Versus V, Hie Ist Das Rechte Osterlamm
7. 7. Versus VI, So Feiren Wir Das Hohe Fest
8. 8. Versus VII, Wir Essen Und Leben Wohl

Oratório da Páscoa
9. 1. Sinfonia
10. 2. Adagio
11. 3. Chor, Kommt, Eilet Und Laufet
12. 4. Recitative, O Kalter Manner Sinn!
13. 5. Aria, Seele, Deine Spezereien
14. 6. Recitative, Hier Ist Die Gruft
15. 7. Aria, Sanfte Soll Mein Todeskummer
16. 8. Recitative, Indessen seufzen
17. 9. Aria, Saget, Saget Mir Geschwinde
18. 10. Recitative, Wir Sind Erfreut
19. 11. Chorus, Preis Und Dank

Conductor: Andrew Parrott
Performers: Emily van Evera [soprano], Charles Daniels [tenor], David Thomas [bass]

Taverner Consort and Players

BAIXE AQUI

3 comments / Add your comment below

  1. Caro PQP, Mais uma vez você se adiantou… minha próxima postagem seria esse mesmo Oratório de Páscoa, só que a cargo do Helmut Rilling…Então, nada mais me resta a não ser desejar uma Feliz Páscoa para você e para todos os nossos leitores/ouvintes… abraços, Do seu FDB Bach.

Deixe uma resposta