Ludwig van Beethoven (1770-1827): Symphonie Nº 3 Es-dur Op. 55 "Eroica"

IM-PER-DÍ-VEL !!!!

Esta não é das melhores versões da Eroica, mas é uma das impressionantes e curiosas, pois trata-se da recriação da estreia da obra em 1804. Há uma carta de Beethoven a um dos organizadores do concerto de estreia da Eroica que diz, incrivelmente: “Eu preciso realmente ter a certeza de que terei quatro bons violinistas para o concerto. “Quatro! A seção de cordas desta gravação conta com 4, 4, 2, 2, 2! O jovem maestro Daniel Grossman (1978) recria a execução histórica para nós. A gravação é exemplar, gravada no mesmo local, com o mesmo número de músicos e instrumentos de época. É emocionante ouvir como deve ter soado a Eroica. Será que Beethoven teve sorte com seus quatro violinistas?

Ludwig van Beethoven (1770-1827)
Sinfonia Nº 3, Op 55 “Eroica”

1) Allegro con brio
2) Marcia funebre. Adagio assai
3) Scherzo. Allegro vivace
4) Finale. Allegro molto

Daniel Grossman
Ensemble 28

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

4 violinistas... Fuck!
4 violinistas… Fuck!

PQP

0 comments / Add your comment below

  1. Pois é, despertou meu interesse também, PQP. Com certeza, vale a pena. Então quer dizer que ele precisava de 4 violinistas bons, e o resto tinha que ser ruim? rsrs Olha, eu já tinha ouvido bastante histórias sobre a Heróica, mas essa é nova… Ah, mais uma coisa a se compartilhar sobre a estreia da Sinfonia Heróica: ela foi tocada em Ré#, não em Mi Bemol Maior. Ou será que isso foi na segunda vez? Bom, vou pesquisar e vou escutar.

  2. Sortudos somos nós que podemos apreciar os Clássicos com Orquestras e Regentes de altíssimo nível, gravações com tecnologia de ponta e a qualquer momento. É o lado bom da Vida. Com a amada e um bom vinho chegamos ao paraíso. Abbraccione .Dirceu.

  3. Bem, como disse, eu pesquisei. Parece que a sinfonia foi tocada em Ré Sustenido realmente na segunda vez, no Teatro de Viena, em 1805, não 1804, quando foi a estreia oficial. Em 1805 foi a primeira vez que foi tocada em público. Na estreia mesmo, ela foi tocada em particular, no castelo do protetor e amigo de Beethoven, o príncipe Lobkowitz. Mas o mais curioso na história dessa sinfonia é que o título original dela era “Sinfonia Napoleão”, já que Beethoven ia dedicá-la a Napoleão Bonaparte. Mas quando ele ficou sabendo que Napoleão havia se proclamado imperador, rasgou a página com o título original com uma faca, e no lugar do título original, escreveu Sinfonia Heróica.
    Bom, histórias à parte, gostaria de dizer que fiquei encantado com a gravação, PQP. Excelente mesmo! Seu post me fez lembrar que existe um filme sobre a Heróica:
    http://www.youtube.com/watch?v=M3PzPKD5ACA

  4. Caro Vanderson, desculpe minha ignorância caso eu esteja mal informado. Sou músico amador e estudei um pouco de música ao longo da minha vida de 43 anos. Adoraria descobrir se estou certo ou errado mas, a escala de Ré# é a mesma de Mi bemol. E quanto ao tom da música, Ré, Mi ou qualquer outra nota da escala, quando refere-se o tom da música, sempre é uma nota maior, ou a nota menor correlata, como por exemplo: Uma música composta em Dó maior também pode ser referida como Lá menor, pois A ou Lá é a menor correlata de C ou Dó maior, ao menos na escala clássica maior ocidental. Alguém me corrige ou confirma, por gentileza?

Deixe uma resposta