Johann Sebastian Bach (1685-1750) – Motets, BWVs 225-230

Por algum motivo até agora inexplicável, os Motetos de papai ainda não foram postados. Não sei o porque, talvez mano PQP esteja guardando algum trunfo na manga, mas resolvi atender a alguns pedidos insistentes, feitos no correr dos últimos meses, aproveitando uma pequena folga que terei nesta semana.

Obras corais extremamente complexas, inexplicavelmente pouco gravadas (talvez mesmo pela sua dificuldade de interpretação), estes motetos são verdadeiras obras primas de papai. Introspectivas, meditativas, elas exigem do ouvinte concentração absoluta, de preferência sem barulhos externos que atrapalhem suas peculiaridades.

Herreweghe, bem, Herreweghe é um dos maiores regentes da obra de papai. Até agora não li nenhum comentário negativo de suas gravações. A Chapelle Royale e o Collegium Vocale Gent são seus eternos  companheiros, e graças a eles e seus solistas, temos tido acesso a interpretações magníficas, não apenas das obras de papai, mas também de diversos outros compositores barrocos. Creio que os senhores irão apreciar.5 de 5 clientes da amazon deram 5 estrelas para esta interpretação.

No já tradicional site http://www.bach-cantatas.com poderão ser encontradas as traduções dos textos para o português.

Johann Sebastian Bach (1685-1750) – Motets, BWVs 226-230

01 – BWV 226 Der Geist hilft unsrer Schwachheit auf

02 – BWV 228 Fürchte dich nicht

03 – BWV 227 Jesu meine Freude

04 – BWV 229 Komm, Jesu, Komm

05 – BWV 230 Lobet den Herrn, alle Heiden

06 – BWV 225 Singet dem Herrn ein neues Lied

La Chappele Royalle

Collegium Vocale, Gent

Phillipe Herreweghe – Condutor

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

FDP Bach

18 comments / Add your comment below

  1. Aleluia! Havia solicitado antes os motetos e fico muito feliz e grato ao FDP.
    Vida longa ao blog.Parafresando o salmista Davi: assim como a corsa anela por agua esperei [pelos motetos].

  2. E olha, esta gravação dos Motetos parece ser a melhor de todas, nenhuma surpresa, em se tratando do Psiquiatra belga.Tenho uma gravação do Rilling em DVD de que gosto muito.

  3. Excelente postagem! Alguém se interessa por Vaughan Williams? Poderiam postar alguma coisa dele? Ouvi algumas sinfonias já e algumas obras corais excepcionais! Nacionalismo inglês interessantérrimo!

  4. Caro FDP Bach,

    Bem sei da vossa política de postar somente os que estais a escutar no momento — e concordo plenamente com ela; mas estes motetes de Bach são as obras mais belas e comoventes para música a capella — e de insuperável valor: não poderiam ficar de fora deste vosso maravilhoso blog. É o nosso Bach gótico; maravilhoso.

    Merci de tout ça,
    Guillaume Legat (Curitiba)

  5. Assino embaixo do que o Bruno escreveu: Gostaria que vocês postassem algo do Vaugham Williams, preferencialmente uma sinfonia. Estou descobrindo esse grande compositor!!!

    1. Eu tenho a Sinfonia n° 5 e a Missa em sol menor com a Sinfônica da BBC, regidas respectivamente por Sir Andrew Davis e Andrew Carwood, mas só postarei se meus manos responsáveis por repertório romântico e do séc. XX não tiverem NADA dele (e se eles tiverem mas não quiserem postar, eu fico na minha; até porque não conheço muita coisa sobre RVW e iria ter de pesquisar na net).

  6. Que coincidência, ainda ontem ouvi um quinteto para piano do Vaughan Williams na Radio da BBC, e achei belíssima a obra. Mas caro Ciço, sinta-se a vontade para postar a sinfonia. Também não possuo nada dele, apesar de ter muita curiosidade em conhecer melhor sua obra.

  7. Estou em êxtase! Para que tomar drogas se a gente pode “delirar” e viajar com as coisas da realidade? Ouvir essas obras de Bach faz a gente encontrar Deus na sua real significação, ou seja, Deus é o Homem! E Bach é um dos melhores representantes do gênero humano. Obrigado por mais essa experiência religiosa-materialista!

  8. A melhor interpretação dos motetos de Bach que conheço é de Roberto de Regina e sua Camerata Antiqua Curitiba. Também a gravação é soberba. Se alguém se interessar posso colocar no rapidshare.

  9. Roberto de Regina? Eu me interesso sim Ulrich, seria muito bom se potasse aqui nos comentarios!

    E essa gravação do Herreweghe é no minimo muito boa, os cantores da gravação possuem ótima dicção e cantam com muita flexibilidade. A Cereja do bolo é o moteto Singet dem Herrn BWV 225, obra prima absoluta do mestre Bach.

  10. Prezado Polinizador,

    só agora, 1 mês e 21 dias depois, que venho atender teu pedido, mandando os motetos de Bach interpretados pela Camerata Antiqua de Curitiba com a direção de Roberto de Regina. Mas, chega a tempo para o natal, e com um bônus especial. Coloquei, também, a intepretação inflamadora do
    “Les fastes de la Grande et Ancienne Menestrandise” de Couperin por Roberto de Regina ao cravo.
    O link é:
    http://rapidshare.com/files/175563741/Motetten.rar.html
    Feliz Natal a todos!!

    Ulrich

Deixe uma resposta